Missão Varejo China

Logo China

Outubro/2018

29/10 a 02/11

Uma semana de imersão nas tecnologias e usos que permitem a China a ser, sem dúvidas, a maior líder global do New Retail (ou “Novo Varejo”), termo cunhado por Jack Ma, fundador da Alibaba, para explicar a revolução que sua empresa lidera destruindo as barreiras entre off-line e online, integrando todos os canais de distribuição, e com novas experiências para os consumidores de uma sociedade chegando perto de abolir o dinheiro em espécie e até mesmo os cartões de crédito.

Oportunidade transformadora

Seu guia será Ricardo Geromel. Em 2011, Ricardo mudou-se para Pequim para empreender. Lançou uma empresa que buscava levar Chineses jogadores, técnicos, médicos e árbitros de futebol para passar um período de capacitação no Brasil e retornar à China com o diploma e conhecimento. Ricardo é apaixonado pela China e vive em Xangai. Também trabalhou em Hong Kong, no mercado financeiro. Escreve para a Forbes desde 2011. Segue um artigo sobre a China:

Is Brazil a Derivative of China? Ícone representando um link externo

Print do vídeo da entrevista de Ricardo Geromel com Danilo Gentili no programa The Noite

Entrevista de Ricardo Geromel para Danilo Gentili no programa The Noite

Quem vai te acompanhar

Ricardo Geromel

Ricardo Geromel

Autor do BestSeller "Bilionários". Escreve para a Forbes desde 2011 cobrindo bilionários. Ex-sócio do time de futebol Fort Lauderdale Strikes e co-fundador do SanFrancisco Deltas, time de futebol profissional criado como startup. Bacharel em Business Management pela Farleigh Dickinson University e pós-graduado pela ESCP Europe. Fluente em 5 idiomas e dono de três passaportes (EUA, Brasil e Itália). Vive em Xangai.

Rui Cavendish

Rui Cavendish

Vive na China há mais de 3 anos. Fluente em 7 idiomas. É Brasileiro e Canadense e profundo conhecedor da Ásia, já tendo visitado mais de 50 países. Morou na América do Norte (Canada e São Francisco), Europa (Londres) e Ásia (principalmente China). Trabalhou para a gigante japonesa Mitsui e para banco de investimentos em Xangai antes de entrar para o time da StartSe.

Para quem o evento é indicado

Ícone de 2 engrenagens

Quem atua na Cadeia de Valor de Varejo

Pessoas que estão diretamente ligadas a operações que envolvem o varejo, desde logística, a métodos de pagamento, até estratégias, vendas e relacionamento com os clientes.

Ícone de uma maleta

Executivos e Empresários do Setor

Líderes de empresas que estão na linha de frente de e-commerce, varejistas, celebridades que vendem online e quem tem nos varejistas o seu cliente.

Ícone de uma lâmpada

Empreendedores e Profissionais da Área

Empreendedores, profissionais que atuam no varejo e pessoas que estão interessadas na evolução desse mercado.

Ícone de notas de dinheiro

Investidores
 

Investidores de startups em busca de networking e oportunidades para entrar no mercado exponencial das RetailTechs. A Missão não é indicada para quem estiver interessado em turismo.

Formato da Missão

Serão 5 dias intensos de atividades -
manhã, tarde e noite

Ícone do sol

Durante o dia

Você visitará algumas empresas, conhecerá lugares marcantes e escutará histórias inspiradoras

Ícone de uma lua e duas estrelas

Durante a noite

Networking com players locais ou transporte para as cidades seguintes do nosso programa

Ícone de um quadro com gráfico exposto

Palestras

As palestras te desafiarão a pensar nas inúmeras oportunidades que o país tem a oferecer

Ícone de uma silhueta de uma cabeça de uma pessoa com uma lâmpada na parte de cima

Abrir a Mente

Prepare-se para abrir a mente, pensar diferente e receber uma injeção de insights inovadores

O Futuro do Varejo já começou na China

O poder está, cada vez mais, nas mãos do consumidor. Com uma gama enorme de ofertas, ele é quem decide onde, quando e como comprar. Lojas do mundo inteiro estão a 1 click de distância. Muitos dos problemas do varejo no Brasil já foram resolvidos na China. O que esta acontecendo na China que pode ser aplicado no Brasil? Vamos aprofundar no varejo Chinês, focando em soluções práticas para serem implementadas no Brasil.

People First – a nova ordem no varejo global

Empresas de varejo Chinesas estão criando tecnologias capazes de engajar clientes e colaboradores, proporcionando melhores experiências e ganho de performance. É o uso da tecnologia com o foco total nas pessoas.

A tecnologia que revoluciona

O varejo, seja físico ou online, vai passar por uma revolução causada por tecnologias como inteligência artificial, reconhecimento de imagens, processamento de linguagem natural, machine learning, robótica e outras tantas. Na China essas tecnologias já são aplicadas para diferenciar o varejo.

As startups e o ganho de performance

As startups estão revolucionando diversas indústrias e não será diferente com o varejo. Empresas recém criadas estão atingindo performances excepcionais em vendas, captação e retenção de clientes e descoberta de novos canais. Conheceremos startups Chinesas locais causando disrupção no varejo local e global.

Cronograma

Sujeito a alterações

Data Local Atividade
29/10 Shangai Welcome - Dia dedicado a visitas.
30/10 Hangzhou Trem-bala ida e volta - Dia dedicado a visitas.
31/10 Shangai Dia dedicado a visitas.
01/11 Nanjing Trem-bala ida e volta - Dia dedicado a visitas.
02/11 Shanghai Dia dedicado a visitas. Fim da Missão à noite.

Dados sobre Inovação na China

Ícone de um check na cor vermelha O volume de pagamentos móveis atingiu quase quatro vezes o valor do ano passado, chegando a US$ 8,6 trilhões, em comparação com apenas US$ 112 bilhões nos EUA. Isso tem grandes implicações no varejo. Prepare-se para conhecer uma sociedade onde não é habitual usar nem dinheiro e nem cartão;

Ícone de um check na cor vermelha A Cyber Monday atingiu um novo recorde de US$ 6,59 bilhões em vendas, tornando-se o maior dia de vendas on-line dos EUA. Em comparação, a Black Friday e o Dia de Ação de Graças trouxeram US$ 5,03 bilhões e US$ 2,87 bilhões em receita, respectivamente. Os EUA comemoraram estes números. Porém, o maior evento de compras online do mundo foi o Dia dos Solteiros da China no início de Novembro, onde o gigante do comércio eletrônico Alibaba registrou vendas de US$ 25,4 bilhões;

Ícone de um check na cor vermelha Apenas a Alibaba (sozinha) vende mais online em um dia (11/11 – o tal do dia dos Solteiros) do que o Brasil no ano inteiro;

Ícone de um check na cor vermelha Na China, há uma cultura de trabalho da empresa em startups chamado 9/9/6. Isso significa que as horas normais de trabalho para a maioria dos funcionários são das 9h às 21h, seis dias por semana. Se você pensou que o Vale do Silício tem horas de trabalho intensas, pense novamente;

Ícone de um check na cor vermelha Na China acesso ao crédito é amplamente espalhado graças a revolução das startups P2P (peer to peer landing), empréstimo entre pessoas e ao uso massificado de big data para conhecer exatamente cada cliente. Voce aprendera na pratica como funciona o 310 na questão do empréstimo. 310:
3 minutos para fazer a aplicação completa do pedido de empréstimo;
1 segundo para saber as condições;
0 humanos envolvidos no processo (tudo automatizado graças as tecnologias de ponta).

Ícone de um check na cor vermelha País com mais unicórnios (startups avaliadas em US$ 1 bilhão ou mais), apenas atrás dos EUA; Já são mais de 160 (enquanto no Brasil ainda são menos de 5);

Ícone de um check na cor vermelha O recente anúncio de uma eventual proibição de motores a gasolina (provavelmente após 2030) poderia ajudar a garantir uma vantagem a longo prazo no mercado global de veículos elétricos;

Ícone de um check na cor vermelha Cerca de US$ 77 bilhões em investimentos de capital de risco (VC) foram injetados em empresas chinesas de 2014 a 2016. Entre 2011 e 2013 foram investidos US$ 12 bilhões;

Ícone de um check na cor vermelha Em 2015, 12% dos universitários formados da Universidade de Pequim abriram ou trabalharam em startups. Em 2005, apenas 4%;

Ícone de um check na cor vermelha Nos Estados Unidos, 190 milhões de pessoas possuem um smartphone. Na China, mais de 530 milhões;

Ícone de um check na cor vermelha As quatro maiores empresas de internet da China investiram US$ 5,6 bilhões em 48 negócios de tecnologia dos EUA nos últimos dois anos, de acordo com os dados da CBI Insights;

Ícone de um check na cor vermelha O governo da China, em julho, revelou um plano de desenvolvimento em três etapas para desenvolver as capacidades de IA (Inteligência Artificial) até os anos de 2020 a 2025 e liderar o mundo até 2030.

De onde são os executivos que já estiveram nos programas internacionais da StartSe

Logo Itaú
Logo IBM
Logo Coca-cola
Logo GE
Logo Globo
Logo XP Investimentos
Logo Accenture
Logo Santander
Logo iFood
Logo Banco do Brasil
Logo Claro
Logo Hyundai
Logo Tetra Pak
Logo Faber Castell
Logo FGV
Logo Alelo
Logo Cosan
Logo Raizen
Logo Comgás
Logo Rumo
Logo SPC
Logo Natura
Logo Nextel
Logo Sicoob
Logo Itaú BBA
Logo Dotz
Logo BRMALLS
Logo Brazilprev
Logo Zema
Logo VW
Logo iCarros
Logo Editora Gente
Logo TozziniFreire Advogados

Hospedagem, passagens aéreas e alimentação

Para facilitar o planejamento individual, hospedagem, passagens aéreas (voo internacional) e alimentação são responsabilidade de cada participante. Veja as dicas abaixo:

Ícone um avião chegando ao destino

Chegada

Você precisa estar em Shangai até domingo, pois a Missão começa na segunda, bem cedo.

Ícone um avião partindo em viagem

Partida

O programa terminará sexta à noite.

Ícone um avião partindo em viagem

Hospedagem

Para facilitar a logística, recomendamos hotéis nas cidades visitadas. O ônibus partirá todos os dias destes hotéis.

Ícone um avião partindo em viagem

Alimentação

A alimentação será por sua conta, mas alguns jantares e almoços em empresas serão por nossa conta.

Ícone de uma bóia

Seguro

Imprevistos acontecem! A China não oferece um sistema de saúde gratuito. Portanto não embarque sem o seu seguro de viagem!

O novo contexto do Varejo do Futuro

Você já está inserido nesta Nova Era do Comércio do Futuro?

Mais de 89% dos brasileiros fizeram alguma compra na internet no último ano, segundo o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL).

Mesmo em cenário de crise econômica, o aumento das compras online aumentaram em relação às offline.

A Black Friday, o maior evento do Varejo Online, gerou faturamento de R$ 2,1 bilhões em 2017 só no Brasil. Uma alta de mais de 10% em relação a 2016. Os maiores motivos para isso são, segundo a pesquisa:

  • Produtos mais baratos que em lojas físicas;
  • Facilidade de comparar preços;
  • Comprar a qualquer hora do dia;
  • Comodidade;
  • Facilidade de pagamento (parcelamento, boleto, débito);
  • Entre outros.

Hoje mais do que nunca o cliente detém o poder de compra. Se o mercado varejista não se inovar nesse cenário em que a Internet das Coisas está dominando tudo e passar a oferecer mais experiências aos clientes do que apenas preços baixos...

Marketplace é uma forma de oferecer preços mais competitivos aos clientes e aumentar a demanda de produtos das grandes varejistas, gerando maior rentabilidade e lucro para o grande e médio varejista e reduzir despesas operacionais.

Alibaba está dominando o Omnichannel que em breve 26% dos consumidores online do mundo todo serão clientes dele também.

Muitos comércios serão passados para trás e ficarão obsoletos. Hoje a maior vitrine do mundo não são mais as lojas de rua ou shoppings, são as telas dos smartphones.

E neste cenário, quem não é visto não é lembrado. Venha entender como a China pensa e executa o novo varejo do futuro.

Investimento

Em até 3 vezes sem juros ou em até
12 vezes com juros
no cartão de crédito

Missão Varejo China - Outubro
De 29/10 a 02/11

US$ 4,200 (dólares)*

Em até 12x no cartão de crédito

* Pagamento efetuado em R$ (Reais).
Cotação a R$ 3,45.

Missões Corporativas

Para missões corporativas ou segmentadas entre em contato através do e-mail

[email protected]

Dúvidas? Fale conosco através do Whatsapp